quarta-feira, 5 de março de 2014

Tolices de fedelha

Roubei esta tolice da net, não me perguntem de onde... (sim, estão mortinhos por saber)

Tive que acrescentar 2ª versão em baixo, porque definitivamente eu não encaixo no 1º caso.
A única diferença, quando muito, poderá ser na indumentária, que a forma como eu ando por casa... Dear God!
(Sim, caros ex-amante, ex-namorado e ex-coiso, eu consigo ser mais descabelada que aquilo,  vestir pijamas mais foleiros e meias então, nem queiram saber...)
Assim sendo, o meu caso é o de baixo. Excepto a parte de rastejar pelo chão.
Se não recordarmos "aquele" fim de ano, em que escorreguei no vinho que tinha a mais pela goela abaixo e que os outros, em vez de beber, deixaram deslizar para o chão. Qualquer coisa assim.
Quero continuar a convencer-me que foi uma queda cheia de pinta, mas as dores do dia seguinte que me obrigaram a voltar a esta cidade querem provar o contrário. Pormenores!
O que interessa mesmo é que eu faço figuras a dançar e gosto. Desde que não caia.


5 comentários:

Post-It disse...

:D

Ninguém disse...

Mas num bebi do sapato. :D

Nem presenteei a cidade com os restos de vinho e jantar.
muahahahahahahah!

(como se me pudesse, de facto, rir)

SYMPA © disse...

Eheheh

Anónimo disse...

Uma pessoa não pode estar descansada e distraída que vêem logo relembrar em praça pública as más figuras de uma noite bem passada... ;)

Ninguém disse...

Cheia de sorte, que esta praça não é assim tão pública! :D